Biblioteca Mercedes Reis Pequeno Academia Brasileira de Música

cobertura-1609-falecimento-mercedes-reis-pequeno-1921-2015 - CópiaRua da Lapa, 120 – 12° andar, Centro
20021-180  Rio de Janeiro/RJ – Brasil
Fones. (21) 2221-0277 / 2292-5843/2242-6693

bibliotecaabm@abmusica.org.br
http://www.abmusica.org.br/

 

HISTÓRICO

A Academia Brasileira de Música foi fundada em 14 de julho de 1945 por Heitor Villa-Lobos e através do Decreto Federal 23.160 de 06 de junho de 1947 foi considerada órgão técnico-consultivo do governo federal.

A Biblioteca foi inaugurada no dia 03 de julho de 2015 e recebeu o nome de Biblioteca Mercedes Reis Pequeno em homenagem à bibliotecária e acadêmica ocupante da cadeira nº 7, pioneira no Brasil na organização de bibliotecas da área de música.

MISSÃO

A ABM tem como objetivo principal o fomento e a valorização da música brasileira, seus compositores, intérpretes, pesquisadores e educadores.  A missão da Biblioteca Mercedes Reis Pequeno, fundamentada nos objetivos da ABM, é apoiar e incentivar a pesquisa científica na área da musicologia no Brasil, facilitando o acesso aos recursos de informação e colaborando nos processos de criação do conhecimento.

VISÃO

Tornar-se um centro de informações de referência, focado na excelência da gestão e da disseminação do conhecimento na área da musicologia no Brasil.

ACERVO

O acervo, especializado em música brasileira, é formado por cerca de oito mil volumes,  constituído por  livros, teses, periódicos, partituras, documentos textuais, fotografias, recortes de jornais e programas de concerto, e tem como destaque:

  • Coleção de documentos sobre a Academia Brasileira de Música, patronos, fundadores e acadêmicos.
  • Coleção Mercedes Reis Pequeno – Livros e documentos (correspondência com Charles Seeger, Luis Heitor Corrêa de Azevedo, Cleofe Person de Mattos, Basílio Itiberê, entre outros; fotografias, discos e recortes de jornais).

CATÁLOGO

Base Brasiliana http://www.abmusica.org.br/

(acessível na web a partir do mês de outubro de 2016)

PÚBLICO

A Biblioteca é aberta ao público em geral para consultas e pesquisas. O atendimento é direcionado a musicólogos e pesquisadores da música brasileira.

SERVIÇOS:

Acesso gratuito às bases de dados pela Internet

Auxílio à pesquisa bibliográfica on-line em bases de dados

Consulta Local

Empréstimo de publicações – permitido somente ao membros da Academia

Levantamento bibliográfico

Reprodução de documentos

NORMAS DE FUNCIONAMENTO:

  • A consulta ao acervo é realizada somente com hora marcada
  • Não é permitida a entrada e/ou permanência na biblioteca de usuário portando bolsas, pastas, sacolas ou similares, que deverão ser colocadas em local indicado pelo funcionário da ABM
  • O usuário deverá observar os avisos de não fumar, falar em voz baixa, não portar bebidas e/ou alimentos, não utilizar telefone celular, não danificar o mobiliário e as obras, respeitando as orientações dos funcionários da ABM
  • A consulta é feita através de terminais de computadores ou direto nas estantes
  • O usuário tem livre acesso às estantes, mas, ao final da consulta, não poderá repor os livros consultados nas mesmas, e deverá deixá-los sobre a mesa

CONSULTA AO ACERVO RARO:

  • A consulta ao acervo de obras valiosas e documentos históricos será autorizada mediante prévia avaliação, efetuada pela bibliotecária responsável e pela diretora executiva da ABM. O agendamento deverá ser feito previamente por meio do endereço eletrônico bibliotecaabm@abmmusica.org.br
  • Para a consulta aos itens do acervo, sempre acompanhada por um funcionário, é obrigatório o uso de luvas adequadas ao manuseio do material e a observação das normas de segurança da Biblioteca
  •  É proibido retirar o acervo das dependências da biblioteca, seja para consulta, exposição, divulgação ou quaisquer outras demandas, sem autorização por escrito do presidente ou da diretora executiva da Academia

 NORMAS PARA REPRODUÇÃO DE PUBLICAÇÕES:

  • É permitida cópia digital do acervo de livros, teses e periódicos, de acordo com aLei de Direitos Autorais
  • Com vistas à preservação do original, não é permitida a reprodução com uso de luz direta (reprodução fotostática, flash, spots, etc.) de qualquer documento pertencente ao acervo
  • O usuário pode solicitar, no caso do acervo de obras valiosas e documentos históricos, a reprodução de documentos históricos através do processo de digitalização
  • Não será autorizada a reprodução de originais dos quais a Academia Brasileira de Música já possua cópia digitalizada
  • As solicitações de reprodução devem ser encaminhadas junto com o Termo de Responsabilidade para utilização de imagens do Acervo de Obras Valiosas e Documentos Históricos da Biblioteca Mercedes Reis Pequeno


ACADEMIA BRASILEIRA DE MÚSICA

Diretoria:

Presidente: André Cardoso

Vice-Presidente: João Guilherme Ripper

1º secretário: Ernani Aguiar

2º secretário: Manoel Corrêa do Lago

1º tesoureiro: Turibio Santos

2º tesoureiro: Ricardo Tacuchian

Comissão de contas: Manuel Veiga, Raul do Valle, Ronaldo Miranda (Titulares)                          Ilza Nogueira, Maria ALice Volpe e Lutero Rodrigues (Suplentes)

Membros correspondentes: Gaspare Nello Vetro (Itália), Aurélio de la Vega (Cuba/EUA), David Appleby (EUA), Gerhard Doderer (Alemanha/Portugal) e Michael Uhde (Alemanha)

Membros honorários: Gilberto Mendes e José Eduardo Martins

Diretora executiva: Valéria Peixoto

Secretário: Ericsson Cavalcanti

Bibliotecária: Dolores Brandão

Equipe administrativa: Alessandro de Morais, Rafael Nogueira Barcellos e Sylvio Soares

Estagiários: Carlos Braga e Pedro Cantalice